quarta-feira, junho 07, 2006

Invasão do MSLT



"A invasão da Câmara dos Deputados promovida pelo MLST (Movimento pela Libertação dos Sem Terra) terminou com a prisão de 497 integrantes do movimento. " Folha Online.

Que a invasão de ontem foi um absurdo acho que não existe dúvida. Nada justifica a violência com que este bando (que se intitula movimento social) invadiu o Congresso Nacional. Mas existem pontos que devem ser analisados:
1 - O discurso indignado dos parlamentares sou mais uma vez ridículo. Por que não reagem com a mesma indignação quando são invadidas propriedades privadas ou outros prédios públicos? A invasão aconteceu na câmara por um motivo simples: ninguém respeita a atual legislatura.
2 - Alguns deputados do PT repudiaram o acontecido. Não me enganam. A grande defesa do PT e do governo na crise que se viu envolvido foi jogar toda a lama no congresso nacional e passar a mensagem que aparentemente está colando: tudo de mal é feito no congresso, o executivo apenas é obrigado a conviver com esta situação para tentar governar. É a maior das mentiras. Com o poder das MPs o executivo manda no país e é o grande corruptor do sistema. Os deputados e senadores são corrompidos , tanto é que disputam a ferro e fogo uma vaguinha em ministério para assumir a ponta do esquema. O legislativo aceitou passivamente assumir toda as culpas da corrupção que existe na república. Nesta estratégia o congresso está sendo constantemente massacrado pela grande mídia ao mesmo tempo em que o planalto é posto de lado. Por que nenhum periódico até agora cobrou com firmeza explicações do ministro da saúde sobre a compra das ambulâncias?
3 - O motivo apresentado para a invasão foi o contigencionamento de verbas da reforma agrária. Ora, o congresso não tem absolutamente nada a ver com isso. É responsabilidade exclusiva dos ministros da fazenda e reforma agrária e (deveria ser) do presidente da república. Por que não invadiram o planalto? Por que não fazem protesto na frente da alvorada?
4 - A invasão só aconteceu desta forma porque o governo além de ser omisso com estes "movimentos sociais" ainda tem a coragem de chamar seus líderes de companheiros e receber estes criminosos para audiências públicas.

Diante de tudo isso não consigo compreender como o Brasil vai dar um segundo mandato este governo. Muito triste. Onde vamos parar?

Nenhum comentário: