sexta-feira, junho 09, 2006

Verticalização e TSE

Por unanimidade, sete ministros do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) reformularam hoje o entendimento de dois dias atrás e flexibilizaram a verticalização nas coligações eleitorais. O primeiro a reformar seu voto foi o presidente do Tribunal, ministro Marco Aurélio Mello, que admitiu que a última decisão do TSE era "passível de falha".
Ao reformular o entendimento de terça-feira, o TSE alegou que era preciso respeitar o princípio da segurança jurídica que estabelece que as regras não podem ser mudadas no meio do jogo.

Fonte - Folha Online

Parece brincadeira. Primeiro o TSE, quase que por unaminidade, resolve endurecer as regras de verticalização a um mês do início das campanhas causando um caos político nos partidos. Depois, por unaminidade, decide que foi precipitado e volta atrás na decisão! Um Tribunal Superior? Esta eleição promete!

Nenhum comentário: