sábado, setembro 23, 2006

Sobre Critérios

Você começa a ter idéia do estado das coisas em um país ao definir os critérios para a competência. Sim, pois esta tal de competência é um negócio difícil de se medir, é extremamente subjetiva. Não vou entrar aqui nos critérios utilizados pelo presidente para nomear seus acessores, porque este ítem não carece mais de discussão. Só sobrou em pé o ministro da justiça porque é uma advogado criminalista e dos bons. Todo criminoso precisa de um bom advogado.
Mas hoje em comício em Minas Gerais o candidato-presidente se superou. Disse que indicou um ministro do STF baseado em dois critérios que mostra a seriedade como o tema é tratado:
1. Por ser do interior de Minas
2. Por que a única boneca de pano que a ministra ganhou na vida foi de sabugo de milho.
Duvida? Pois leiam:
"Fui às entranhas desse País, em Espinosa, buscar a Carmen Lúcia. Ela me disse uma vez que a única boneca que ganhou da mãe foi uma boneca de sabugo de milho. Eu, ao ouvir isso, disse: essa é a mulher"
Vejam que pela frase se entende também que ela só foi escolhida por ser mulher. A Ministra deveria se questionar seriamente. Depois de anos de estudo, dedicação e com certeza uma carreira cheia de méritos acaba de ficar sabendo que foi escolhida por ser mulher, do interior e não ter ganho bonecas!

Nenhum comentário: