quarta-feira, janeiro 10, 2007

Chávez e mais uma proeza

Nenhuma surpresa no desdobramento. Depois de anunciar a estatização de várias empresas na Venezuela o mercado local ontém entrou em crise e os capitais começaram a fugir. Não há novidade aí, o mesmo ritual seguiu-se sempre que um governante resolve fazer o "desenvolvimento para dentro". Quem sofre as consequencias? É lógico que é a população que fica cada vez com menos emprego e perde em qualidade dos serviços oferecidos.
O presidente venezuelano por sua vez tem seus poderes aumentados e caminha a passor firmes para transformar a Venezuela em uma Cuba com petróleo.
E assim caminha a humanidade...

Nenhum comentário: