quinta-feira, fevereiro 01, 2007

Na Câmara deu Chinaglia

O PT jogou tudo na eleição do presidente da Câmara e conseguiu. Por pouco, mas conseguiu. Arlindo Chinaglia é o novo presidente da casa e o terceiro na linha de sucessão. Um ponto positivo é que agora não existe mais espaço para dúvida. Se Aldo agia a serviço do planalto mas ainda procurando se manter como ponte de diálogo com a oposição isto acabou. Chinaglia é um dos ogros do PT. Sua plataforma foi bem clara. Defesa do governo e dos deputados nesta ordem. Na pior acepção da palavra. Entre outras disse que não admitia que chamassem os mensaleiros de mensaleiros e os sanguessugas de sanguessugas. No debate de segunda deixou claro para quem sabe ouvir que vai trabalhar pela anistia do ex-comissário José Dirceu. E Aldo aprendeu o quanto vale a gratidão de seu presidente, absolutamente nada.

A oposição parece que está começando a se organizar ao perceber que a aliança PT-PMDB vai sim atropelar quem tiver na frente. Muitos jornalistas e analistas vão dizer que o PSDB garantiu a vitória de Chinaglia mas a coisa não é bem assim, nada se pode afirmar sobre isso. É pura especulação e como sempre tentando atingir os tucanos.

Pois ficamos assim. A Câmara dos Deputados tem um novo presidente. Um petista com p maiúsculo. Não sei porque mas tenho a impressão que Lula ainda vai se incomodar muito com isso. Eles se merecem.

Nenhum comentário: