quarta-feira, fevereiro 14, 2007

Nome aos Bois

GABRIELA GUERREIRO
da Folha Online, em Brasília

A CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado adiou para o dia 28 de fevereiro a votação das PECs (Propostas de Emenda Constitucional) que reduzem de 18 para 16 anos a maioridade penal no país. O senador Aloizio Mercadante (PT-SP) pediu vista aos projetos para analisar o tema, o que adiou a discussão.


Para não ficar só no campo das idéias aos poucos vamos acrescentando os nomes aos defensores da violência. Não condeno quem seja contra a redução da maioridade, é opinião que eu mesmo não tenho fechada. Mas lutar para não discutir o assunto é lutar contra os direitos de um menino de 6 anos que já não vive mais entre nós. A minha lista atual:

Lula, Ellen Gracie, Márcio Thomaz Bastos, presidente da OAB e agora Mercadante.

O governador de São Paulo, assim como o do Rio, já vieram a público pedir o endurecimento das leis, principalmente da progressão da pena. Seus Estados são os que mais sofrem com a violência. O candidato derrotado ao governo de São Paulo quer defender os bandidos. Cada um escolhe o seu lado nesta guerra.

Nenhum comentário: