quarta-feira, fevereiro 14, 2007

Um pouquinho mais sobre violência

A Veja desta semana tem como reportagem de capa a tragédia de João Hélio. Entre outras coisas trata da rapidez em que vários jornalistas se apresentaram para condenar a exibição da imagem dos fascínoras. Eu até ía comentar alguma coisa, mas o pensamento publicado na revista de Reinaldo Azevedo me deixou sem ter mais nada a acrescentar. Divido com vocês:



Simbolicamente, a culpa é de quem morre. Alguns jornalistas ficaram um tanto revoltados com a polícia, que obrigou os bandidos a mostrar o rosto. Terrível ameaça à privacidade. Era só o que faltava: trucidar o menino João e ainda ser obrigado a expor a cara... Que país é este? Já não se pode nem arrastar uma criança pelas ruas em um automóvel e permanecer no anonimato?





powered by performancing firefox

Nenhum comentário: