quinta-feira, março 08, 2007

Dia Internacional da Mulher

É difícil escrever um texto em homenagem às mulheres porque sei de antemão que as palavras são insuficientes para expressar a importância delas em nossas vidas. São ao mesmo tempo a nossa perdição e a nossa salvação. Elas têm o poder.

O poder de levantar nossa cabeça nos momentos difíceis, de nos colocar para frente. Nos dão ânimo para suportar todas as dificuldades e para nos manter no caminho certo. Nos dão força e uma persistência que não é tão nata nos homens e é fundamental para termos sucesso na vida.

O poder de nos consolar nos momentos de dor, justamente quando somos mais frágeis. Sim, pois nós homens temos uma limitadíssima resistência à dor, seja emocional ou física. As mulheres crescem nestes momentos e, mesmo sofrendo dor igual, assumem o papel de nos guiar nesses mares revoltos.

O poder de nos suavizar. Através do contato com sua sensibilidade aprendemos a dar valor às pequenas coisas da vida e abrir mais nosso espírito para o mundo a nossa volta. Sim, sei que não somos perfeitos, esquecemos de reparar uma série de detalhes. Mas seria muito pior sem as mulheres ao nosso lado.

O poder de nos perder. Sim, as mulheres têm tanto poder que ficamos perdidos se elas assim quiserem. Quantos de nós perderam a cabeça e fizeram grandes bobagens pela rejeição de uma mulher? Ou simplesmente sofreram com a perda de um grande amor? Sim, quando elas resolvem ser cruéis não temos força para resistir. Somos facilmente dominados.

O poder do amor. Este é o fundamental. Convivendo com estes seres especiais aprendemos o verdadeiro sentido do amor. Não o amor mesquinho, mas o amor como deve ser, o amor incondicional. O amor que não exige, que não oprime. O amor de cumplicidade e doação. Aprendemos com nossas mães e avós, mas só o compreendemos com nossas metades.

É difícil escrever sobre as mulheres. Confesso que não ligo muito para este Dia Internacional da Mulher. Para mim elas não precisam de dia para lembrarmos delas ou homenageá-las. Elas estão tão ligadas em nossas vidas e são tão importantes que a eternidade seria pouco para agradecermos tudo que fazem por nós.

Só posso pedir que continuem nos perdoando e tentando nos fazer melhores porque sem as mulheres... bem... não dá nem para pensar... Afinal... elas têm o poder!

Um comentário:

Alexandra disse...

Lindo o post! Copiei no meu blog...