segunda-feira, agosto 06, 2007

Os objetos do acidente da GOL

Levantaram na imprensa o problema sobre o desaparecimento de objetos pessoais das vítimas do acidente do avião da GOL no ano passado. Lembrei do relato de um colega meu do Exército que participou das buscas.

Ele contou que os militares ficaram especialmente revoltados com os indígenas do local, que segundo ele teriam saqueado tudo o que foi possível no meio dos destroços, sem demonstrar o menor sinal de remorso.

O ministro da defesa afirmou hoje não acreditar na culpa da Aeronáutica, já que outros órgãos tiveram envolvidos na busca. Esqueceu que os habitantes do local também estiveram por lá. Cabe uma investigação também.

Por fim, segundo relato deste colega, quem pegou pesado nas buscas e recolhimento de cadáveres e tal foi, para variar, o Exército. Os outros "atores" citados pelo ministro da justiça, recusaram-se a sujar as mãos.

São partes de uma tragédia que ninguém conta.

Um comentário:

Alexandra disse...

acharia muito estranho ver a aeronautica se emaranhando no meio da selva...