quarta-feira, setembro 19, 2007

Mais material didático

Reinaldo Azevedo extraiu os trechos seguintes do livro Nova História Crítica - 500 anos de História Mal Contada, no site do projeto reeducar:

"No museu do Ipiranga, em São Paulo, tem o célebre quadro do pintor paraibano Pedro Américo, retratando o dia 7 de setembro de 1822. Parece um anúncio de desodorante, com aqueles sujeitos levantando a espada para mostrar o sovaco".

"Vilas inteiras foram executadas. Doentes eram perfurados a baionetas no leito dos hospitais. Meninas paraguaias de 12 ou 14 anos eram presas e enviadas como prostitutas aos bordéis do Rio de Janeiro. Sua virgindade era comprada a ouro pelos barões do império! O próprio Conde d'Eu tinha ligações com o meretrício do Rio. Gigolô imperial."

"Diziam que a princesa Isabel era feia como a peste e estúpida como uma leguminosa. Quem acredita que a escravidão negra acabou por causa da bondade de uma princesa branquinha, não vai achar também que a situação dos oprimidos de hoje só vai melhorar quando aparecer algum principezinho salvador?"

"Ninguém sério acreditava num Terceiro Reinado. A estupidez da princesa Isabel, e a péssima fama de seu esposo, o Conde d'Eu (corrupto, assassino da Guerra do Paraguai, picareta mesmo) contribuíam para isso."

Para os republicanos "não era D. Pedro II que estava velho, esclerosado e babão. A própria monarquia estava caduca e precisava ser substituída por uma forma de governo que botaria o Brasil nos trilhos da modernidade: a República".

Além da mentirada deslavada, chama atenção a vulgaridade de um texto que se pretende educativo, ou reeducativo (seja lá o que for isso). Expressões como "principezinho salvador", "velho, esclerosado e babão", "estúpida como uma leguminosa" só podem ter vindo de alguma mente lastimável. Eis o que se ensina por aí. E não é só no ensino público não, a coleção também é adotada em muitas escolas particulares. É bom dar uma olhada no material do seu filho, eu vou!

3 comentários:

Alexandra disse...

Já viu esse site:
http://www.escolasempartido.org/

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Marcos Guerson Jr disse...

Já querida irmã, faz algum tempo que andei por este site. São coisas muito tristes. Infelizmente.