quinta-feira, janeiro 08, 2009

Mais J P Coutinho

Coutinho explica porque acha o humor a forma mais profunda de expressão artística e porque é um conservador.



----------------
Now playing: ACDC - Let There Be Rock
via FoxyTunes

5 comentários:

Alexandra disse...

Muito interessante - apesar de não concordar muito com a forma como ele descreve a esquerda, a explicação dele explica pq eu não sou conservadora ;) No fundo, no fundo, eu tenho uma visão otimista da natureza humana e adoro experimentar coisas novas...

Marcos Guerson Jr disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marcos Guerson Jr disse...

Veja que teve que ir bem no fundo para ter esta visão otimista da natureza humana!

Sou pessimista em relação ao homem? Em certo sentido sim. Acredito que o homem está sempre à beira da queda e justamente quando está mais convencido que não pode cair é que ela acontece. Não quer dizer que não possa ser amado. Pode e deve. O homem deve ser amado como uma criatura extremamente frágil e depurando sua alma pecadora. Somos todos pecadores.

Uma das coisas que me incomoda na esquerda é o sentimento de superioridade. O esquerdista acredita que possui a chave para a salvação e mais do que passá-la ao próximo, acha seu dever impô-la.

Quanto ao fato de experimentar coisas novas, isso não faz um progressista. Talvez o que defina melhor um conservador é seu respeito ao que fizeram antes. A mundança é desejável? Em muitos casos sim. Mas só depois de cuidadosamente analisada e com muita certeza. Não fomos colocados neste mundo agora, temos milhares de anos de história para respeitar.

São Boa Ventura uma vez afirmou: o homem é o rascunho do ser. É por aí. Não somos ainda uma obra completa, temos um longo caminho a percorrer em direção ao nosso destino.

E esse destino só pode ser Deus.

Alexandra disse...

Bom, eu nao sei... a maioria dos meus amigos sao de esquerda e nenhum se acha superior a ninguem, muito pelo contrario. O que eu vejo eh compaixao e preocupacao em relacao ao proximo.

E ser progressista nao quer dizer que vc nao tenha respeito pelo passado. O problema eh que os conservadores tem uma visao idealista e estatica do passado.

Marcos Guerson Jr disse...

Conservador com idéia idealista? Acho que você inverteu tudo aqui. É precisamente a esquerda que luta por uma sociedade ideal, na tão chamada e vazia de significado "justiça social". Os conservadores deparam-se com a realidade do mundo e fazem escolhas em cima delas.

Você mesmo disse. Seus amigos não se acham superiores a ninguém. Apenas tem "compaixão e preocupação com o próximo". É o mesmo que dizer que quem não é de esquerda não tem compaixão nem preocupação com o próximo. Isso não é achar que tem uma moral superior?

Eu não direi a um progressista não tem compaixão com o próximo. Apenas acho que o caminho que eles trilham não leva a um benefício efetivo a este mesmo próximo. Coisas do mundo real.

Por fim, discordo da visão estática do passado. O que eu disse é que o conservador tem muito mais cuidado antes de mudar sua visão do passado. O progressista gosta de mudá-la ao sabor dos ventos, assim como a própria visão de mundo.

Acho a tradição um conceito superior à mudança, o que não implica que não devamos mudar nunca; apenas que temos que ter muita certeza antes de sepultar o passado.